Investimento
ParticularesEmpresasInvestor RelationsContactosPesquisa
ContasInvestimentoCréditoCartõesSegurosServiçosGrupo BPISegurança
Fundos | Estruturados | Seguros | Reforma | Júnior | Research | Mercados
Conceitos Básicos de Investimento
Os Seguros de Capitalização
Organismos de Investimento Colectivo
Reforma
Palavras Cruzadas
Glossário
Perguntas Frequentes
Curiosidades
Página Inicial > Investimento > Formação > Conceitos Básicos de Investimento
Exame Final | Como Funciona
Capítulo 1 -   Introdução ao Investimento

Adquirir o conceito de investimento enquanto elemento integrante da vida de todos os dias.

Que significa investir?

Investir significa dispender capital com o objectivo de gerar um determinado rendimento no futuro. No fundo, todos nós já somos investidores, ainda que de forma inconsciente, pois procuramos a todo o instante maximizar a remuneração do nosso capital ao longo do tempo. Afinal, o dinheiro serve para criar mais dinheiro.

Porque é tão importante investir?

O investimento representa na vida de todos nós um papel determinante na satisfação de muitos dos nossos objectivos. Sem investimento, dificilmente você conseguirá atingir algumas metas como, comprar a casa de praia que sempre ambicionou, fazer aquela viagem de sonho às Caraíbas ou simplesmente ter uma boa qualidade de vida na altura da reforma.
Acima de tudo, é imprescindível que se interrogue constantemente acerca das despesas que vai fazer no futuro e que pense no que deve fazer para as suportar. No preciso instante em que conseguir determinar as suas despesas futuras e em que momento da sua vida elas ocorrem, estará pronto para definir quanto e como deve investir.

Pronto para se tornar num investidor?

Claro, mas por onde começo?

Convém antes de mais definir alguns pontos fundamentais:

1º Qual é o meu património?

2º Em quanto é que avalio as minhas despesas actuais e futuras?

Questões que o podem ajudar nessa reflexão:
- meus gastos diários?
- e automóvel?
- dos meus filhos?
- reforma?

3º Quando é que as minhas despesas futuras vão ter lugar?

4º Qual é a parcela do meu património que vou investir para fazer face aos diferentes gastos ao longo do tempo?

 
Capítulo Seguinte